aiuruoca
Airuoca,Brasil,Minas Gerais

Aiuruoca MG – O que fazer? Onde comer?

Ouvi falar a primeira vez em Aiuruoca (site) quando estava em Passa Quatro hospedada na Casa de Pedra, fiquei fascinada pela região e, assim, falei para o Andrey que tínhamos que colocar no nosso roteiro.

Localizada na Serra da Mantiqueira no Sul de Minas Gerais. Possui alguns pontos principais como Serra do Papagaio e dois vales ao redor sendo o vale do Matutu, um bairro rural em uma área particular, onde ficam as pousadas assim como algumas atrações turísticas da cidade e vale dos Garcias com cachoeiras e alguns atrativos.

No Matutu, uma curiosidade é que ali vive uma comunidade ligada ao Daime com cerca de 120 pessoas.

História de Aiuruoca

É um município pequeno atualmente com seis mil habitantes mas que no passado, chegou a ter até dezoito mil. Foi desbravado pelo Padre João de Faria Fialho, em 1692, mas a cidade foi fundada no ano de 1706 por João de Siqueira Afonso.

A Vila de Aiuruoca desligou-se do município de Baependi de tal forma que virou cidade, em 1834. Com a falta do ouro, alguns garimpeiros se instalaram pela cidade com a finalidade de trabalhar com a criação de gado e a agricultura.

Origem dos nomes

Aiuruoca é uma palavra de origem Tupi-guarani (Ajuruoca) que traduz Ajuru como ”papagaio” e Oca como “casa”, ou seja, “Casa de Papagaio”.

Um outro nome que achei a tradição foi do vale do Matutu, vale que tem os passeios na região, que significa “cabeceiras sagradas” em linguagem indígena.

Trilhas em Aiuruoca

O ponto turístico que tem maior destaque na cidade e na história do Turismo local, é o Pico do Papagaio, que foi o principal local que fomos conhecer, mas a cidade também possui mais de oitenta cachoeiras catalogadas.

O mais importante que tem que ser enfatizado que é uma viagem que tem que ser feita com carro 4×4 obrigatoriamente, porque todas as estradas para o Matutu e os Garcias são de terra e, se chover um dia, as estradas ficam extremamente escorregadia.

Pico do Papagaio

  • Trilha de dificuldade média
  • Distância: 14 km
  • Altimetria: 1.178 m
  • Altitude do pico: 2.100 m
  • Tempo de trilha: 6 horas (ida e volta)
  • Custo: R$20,00 para parar o carro
  • Parque: Gratuito.

O Pico do Papagaio está localizado no Parque Estadual da Serra do Papagaio e a sua trilha ser iniciada por vários locais e um deles é pelo camping O Panorâmico, como também pelo trutário que se chama Truticultura Pedra do Papagaio.

As diferenças são que pelo camping a trilha está bem demarcada sendo fácil de chegar, mas pelo trutário falam que as vistas pelo caminho são mais bonitas, porque possui a cachoeira Três Marias, cachoeira do Coxo e a Lagoa Azul, porém a trilha é mais aberta, então é difícil saber o caminho.

Nossa Escolha da Trilha

Avaliamos as condições da quarentena e excesso de chuva e, dessa forma, escolhemos fazer a trilha pelo camping.

Quero deixar uma observação importante que mesmo o caminho sendo aberto, nós baixamos o GPX da trilha pelo wikiloc para o relógio e para o celular para assim então não ter perigo da gente se perder.

Diferentes de muitas trilhas, às vezes lá pega sinal de celular, o que é importante para alguma emergência, tendo marcação na trilha quando isso acontece.

O dia choveu muito e por onde a gente passava tinha muita água descendo pelo caminho, mas mesmo assim foi bem divertido.

aiuruoca - camping o panoramico
Entrada do camping O Panoramico
inicio da trilha do pico do papagaio pelo camping
Inicio da trilha
parque estadual da serra do papagaio
Vista da trilha na chuva
Placas  sinalização portal do papagaio no parque em Aiuruoca
Placas de sinalização na trilha
Bela no portal do papagaio
Portal do papagaio
Cercas que abrimos na trlha
Porteiras e cercas que tem que ser abertas na trilha
Andrey mostrando a sinalização feita com totens
Totens de Sinalização
Andrey mostrando a placa mostrando a região que pega internet.
Sinalização mostrando sinal de celular
Nossa chegada ao  pico do papagaio
Pico do papagaio
aiuruoca - vista panoramica do pico do papagaio
Vista panorâmica do Pico do Papagaio

Faça o download do GPX da trilha até o Pico do Papagaio via Camping Panorâmico.

Powered by Wikiloc

Pico da Cabeça do Leão

  • Trilha fácil
  • Distância: 6 km
  • Altimetria: 280 m
  • Altitude: 1.583
  • Tempo de trilha: 1 hora e 30 min ( ida e volta)
  • Entrada gratuita
  • No Vale do Matutu.

Para chegar é muito simples pois basta ir para o estacionamento do restaurante da Tia Iraci, no Matutu, e na lateral esquerda do estacionamento está o inicio da trilha, ai é só seguir até a seta com o nome da trilha até o cume. A vista fica de frente para o Pico do Papagaio, mas pegamos o tempo fechado.

Mesmo a trilha sendo fácil, sempre indicamos você ter o GPX para seguir no caminho e se acaso você não tiver facilidade, contrate um guia na cidade onde existem vários e de fácil acesso.

Se preferir um passeio diferente, esse mesmo percurso pode ser feito a cavalo, mas gostamos de correr, então foi o que fizemos.

Airuoca - placa pico da cabeça do leão
Placa para o pico da cabeça do Leão
Foto do pico da caça do Leão
Pico da cabeça do Leão
Aiuruoca vista panorâmica do pico do Leão
Aiuruoca vista panorâmica do Pico da Cabeçado Leão.

Faça o download do GPX da trilha até o Pico da Cabeça do Leão.

Powered by Wikiloc

Cachoeiras em Aiuruoca

Como já disse anteriormente, existem mais de oitenta catalogadas na cidade mas nem todas são de fácil acesso ou “encontráveis”. Muitas por causa da pandemia estão fechadas como é o caso do Poço das Fadas.

Um aviso importante sobre cachoeiras é ver a quantidade de chuvas na cidade para não ter o risco de pegar uma “tromba d’agua” que é uma correnteza de água com forte pressão pelo volume de água. Então, informe-se antes de ir em períodos de chuva.

Cachoeira dos Macacos

  • Trilha fácil
  • Distância: 300 metros
  • Tempo de trilha: 15 min (ida e volta)
  • Gratuita
  • No Vale do Matutu

A beira da estrada, tem somente uma porteira mal sinalizada após a Vila Ananda que você vai ver a placa a sua direita e assim que passá-la, verá a passagem a sua esquerda.

Trilha curta, mas a dica é manter sempre o lado esquerdo descendo, para chegar na base e tirar fotos.

Pegamos um dia de chuva então o volume de água estava muito grande, variando muito conforme o clima.

entrada cachoeira dos macacos em Aiuruoca
Cerca mostrando a entrada para a cachoeira dos macacos
aiuruoca - cachoeira do macaco
Cachoeira dos Macacos

Cachoeira do Batuque

  • Trilha fácil
  • Distância: 1.200 metros (ida e volta)
  • Tempo de trilha: 25 min (ida e volta)
  • Gratuita
  • No Vale do Matutu.

No caminho para o Matutu, seguir a placa na estrada do Abrigo de Montanha Batuque, de lá tem uma seta na sua entrada indicando cachoeira e aí é só seguir até chegar a uma porteira que tem que abrir, passar pelo pasto dos bois e logo após haverá uma passagem só para pessoas. Em seguida, basta seguir reto até a cachoeira.

Primeiramente, a cachoeira é muito maior do que a gente consegue ver e inicia bem no alto da montanha podendo ser visualizada no caminho.

Inicio da trilha da cachoeira do Batuque em Aiuruoca.
Entrada para cachoeira do Batuque
aiuruoca - cachoeira do Batuque
Cachoeira do Batuque
Cachoeira do Batuque vista de longe
Vista de longe da cachoeira do Batuque.

Faça o download do GPX da trilha até a Cachoeira do Batuque.

Powered by Wikiloc

Cachoeira dos Garcias

  • Trilha fácil
  • Distância: 400 metros (ida e volta)
  • Tempo de trilha: 15 min (ida e volta).
  • Gratuita
  • No Vale dos Garcias.

Antes de mais nada, é muito fácil de chegar do outro lado no Vale dos Garcias, pois é cheio de sinalizações sendo a cachoeira mais bonita que achamos na região, localizada no estacionamento do restaurante Casal Garcia.

Para chegar até a cachoeira, em suma, atravesse estacionamento, vá por uma escadaria de terra com grandes degraus e é preciso somente descer para chegar.

A grandiosidade da Cachoeira dos Garcias
Cachoeira dos Garcias

Outras dicas de atrativos em Aiuruoca

Sino da Paz

Local surpreendente porque foi confeccionado em 1988 por Evandro Vieira e Bárbara Stella, fundadores do grupo artístico e pacifista internacional “Embaixada da Paz”. O sino foi confeccionado a partir de sucata de munição disparada sobre pessoas em conflitos em diversas épocas e locais do mundo.

Como resultado, o sino pesa 280 kg e está afinado em Dó maior, considerado o tom da paz por cientistas e místicos. E, infelizmente, se encontra fechado devido a pandemia, porque as pessoas que criaram são idosos e o sino fica na fazenda dos mesmos.

Conseguimos tirar uma foto pela porteira e conversar com a idealizadora que, em resumo, informou que estão construindo um farol.

Porteira do sino da paz em Aiuruoca
porteira do sino da paz em Aiuruoca
Sino da paz esta fechado pela pandemia
Sino da paz

Passeios Gastronômicos em Aiuruoca

Geleias Sitio Cambará

Com seu dono super simpático, o Ale, as geleias são vendidas por toda cidade, mas se você quiser fazer algo mais interessante considere nossa dica. Marcamos horário com o dono e fomos conhecer a plantação e o sítio.

O mesmo fica no vale do Matutu e, a saber, a visita mais degustação, tem o valor de uma consumação mínima de uma geleia por pessoa (R$20,00). O passeio consiste em conhecer a produção de mel com abelhas e melíponas, flores, frutos para geleias e sua horta pessoal e com toda a certeza, a melhor parte é que todos os produtos são sem agrotóxicos.

As geleias são deliciosas e vale demais conhecer a produção. Pode-se também comprar amoras congeladas, para fazer suco em casa.

Além disso, o Ale também possui também em sua propriedade um chalé que tem quarto e cozinha para alugar, que é ideal para quem que ficar isolado na natureza. Contato: (35) 99901-6431.

Entrada para o sitio Cambará em aiuruoca
Entrada para o sitio Cambará
Olha essas frutas sem agrotóxicos
Sitio Cambara framboesa francesa
Amoras em sua cor roxa madura e vermelha em amadurecimento
Amoras

Cachaça Tie

Também fomos visitar a produção que é guiada e sem custo e é muito legal. Contato: (35) 99877-3468 (Tobias)

A cachaçaria ganhou o prêmio de melhor cachaça do Brasil com a cachaça prata e, além disso, eles também possuem a ouro, canelinha e blends com diferentes tipos de orvalho que são deliciosas.

A cachaça prata foi considerada umas das três melhores cachaças brancas do Brasil pelo Ranking Cúpula da Cachaça 2018.

Cachaça Tie moedor da cana
Moedor da cana
Cachaçaria Tie Fermentação
Fermentação
Cachaça Tie Aiuruoca toneis
Toneis de armazenamento
Cachaça Tie Aiuruoca
Cachaça Tie Aiuruoca

Azeite Olibi

Essa também possui uma visita guiada, mas é as dez horas da manhã aos sábado com o custo de R$35,00 por pessoa sendo desses convertidos R$10,00 para compras após a visita. Contato: (35) 99984.7696 (Tche)

O local é enorme e lindo, tendo lago, passeio a cavalo. O vendedor muito simpático e ensina diversas técnicas de provar de tal forma que conseguimos sentir melhor o gosto do azeite.

Há outros produtos como azeite extra virgem, azeite com adicionais como alho e pimenta, azeitonas, azeite em pó, entre outros.

Em 2017, conquistaram o importante Prêmio ECO de Sustentabilidade e, próximo ao local de venda, possui o Projeto Aves.

O Projeto Aves é uma parceria com o Ibama e com a polícia florestal onde eles cuidam dos pássaros machucados e sem condições de voar. Por exemplo, tucanos, araras e até mesmo o papagaio-do-peito-roxo, que está ameaçado de extinção. Como resultado, mais de três mil delas foram soltas de volta na natureza. 

Entrada da Olibi azeites artesanais
Entrada da Olibi azeites
Andrey mostrando o Olibi azeite
Olibi azeite

O que fazer no centro de Aiuruoca

Igreja Central

Igreja de Nossa Senhora da Conceição é uma igreja que está no centro ao lado de restaurantes, padaria e vendinhas, e de fato é o principal lugar da cidade.

Igreja central em Aiuruoca
Igreja central em Aiuruoca
Centro de Aiuruoca mostrando a praça central e suas vendinhas
Centro de Aiuruoca

Museu Doutor Júlio Arantes Sanderson de Queiroz

Ao lado da Igreja, no centro está a sede do Museu Doutor Júlio Arantes Sanderson de Queiroz, onde seus feitos e histórias estão expostos.

Em conclusão, ele destacou-se por todo país por ser o criador da Residência Médica no Brasil e Secretário de Planejamento do Ministério da Saúde do Governo Itamar Franco.

Não conseguimos visitar, porque está fechado por tempo indeterminado pela pandemia.

Entrada do Museu Doutor Júlio Arantes Sanderson de Queiroz
Museu Doutor Júlio Arantes Sanderson de Queiroz

Onde comer em Aiuruoca

Pizzaria Aroma da Serra em Aiuruoca

Pizzaria Aroma da Serra Aiuruoca
Pizzaria Aroma da Serra

Com uma ótima localização, ao lado da igreja no centro e famoso porque o dono produz a própria cerveja chamada Cerveja Aroma da Serra.

Pizza ok e local agradável e, sem dúvida, pedimos a de sempre meia quatro queijos e meia portuguesa.

Cerveja Artesanal Aroma da Serra que o Andrey provou uma Pilsen e a nota se fosse de 1 a 5 ganharia 3, porque o gosto era diferente, porém não saboroso.

Cerveja Aroma da Serra
Cerveja Aroma da Serra
Pizza no Aroma da Serra
Pizza no Aroma da Serra

Restaurante da Tia Iraci e Pizzaria Azeitona

Entrada do Restaurante da Tia Iraci e Pizzaria Azeitona
Restaurante da Tia Iraci e Pizzaria Azeitona

Localizado também na praça central, sendo ambas no mesmo local e jantamos lá duas noites de tal forma que pudemos provar tanto o restaurante quanto a pizzaria.

Prato principal: picanha acebolada com acompanhamentos de arroz com brócolis e batata frita.

Prato principal tia Iraci em Aiuruoca
Prato principal Tia Iraci

Sobremesa: doce de leite da casa com rapaz se limão e pasmem é simplesmente delicioso e pão de mel, igualmente gostoso.

Sobremesa Tia Iraci
Sobremesa Tia Iraci

Na segunda vez, pedimos a pizza de sempre sendo meia portuguesa e meia quatro queijos.

Pizza da Pizzaria Azeitona em Aiuruoca
Pizza da Pizzaria Azeitona

Sobremesa: uma pizza brotinho romeu e julieta e estava deliciosa.

Pizza Doce da Pizzaria Azeitona em Aiuruoca
Pizza Doce

Restaurante Casal Garcia

aiuruoca - restaurante casal garcia
Restaurante casal garcia

O Vale do Garcia é inegavelmente um lugar simplesmente espetacular pela vista da cachoeira como do vale, sendo muito legal de ir fazer uma das refeições no local.

Com estacionamento ao lado do restaurante, bem como onde se inicia a trilha para cachoeira.

O restaurante tem no cardápio os sucos naturais não só de framboesa mas também de amora e os dois são espetaculares, mesmo sem açúcar.

Andrey provando os sucos do Restaurante Casal Garcia
Sucos de amora e framboesa

Prato principal: truta grelhada na manteiga com arroz, batatas sauté, tomate seco e champignon e salada orgânica e o segundo prato semelhante ao primeiro, todavia trocando batata por shimeji.

salada Restaurante Casal Garcia
Salada
prato principal Restaurante Casal Garcia
Truta com arroz e shimeji
Prato principal com batata Restaurante Casal Garcia
Truta com batata e azzroz

Sobremesa: estávamos em Minas Gerais e, portanto, pedimos uma extremamente mineira, queijo com goiabada e queijo com doce de leite.

Sobremesa Restaurante Casal Garcia
Sobremesa

Empanadas do Vale em Aiuruoca

Entrada das Empanadas do Vale em Aiuruoca
Empanadas do Vale

Simples e leves como uma empanada deve ser. Com local pequeno e aconchegante, mas pedimos para viagem, porque ficava do lado do nosso hotel. E , a saber, não pedimos nenhuma sobremesa.

Andrey mostrando as empanadas do Vale
Empanadas do Vale

Cozinha da Maricota

Cozinha da Maricota em aiuruoca
Cozinha da Maricota

Localizado na praça central da cidade é certamente um ótimo local para tomar suco, comer um doce e comprar geleia, azeite mel ou cachaça. Local pequeno, mas muito agradável.

Cozinha da Maricota em aiuruoca local
O restaurante

Onde ficar em Aiuruoca

Ficamos na Pousada Recanto das Flores, no centro da cidade e achamos sua localização ótima, mas o quarto pequeno e mal ventilado, porém tinha um ventilador que ajudava e chuveiro ruim. Achamos caro pelo que oferecia, mas os donos são solícitos e simpáticos.

Pousada recanto das flores
Pousada recanto das flores

Onde comprar lembranças de comida mineira em Aiuruoca

Empório Macieira

Emporio Macieira em Aiuruoca
Empório Macieira em Aiuruoca

O empório é simplesmente lindo e a dona que nos atendeu extremamente solícita e entende dos produtos e, decerto, vale muito a pena passar para conhecer o local.

Emporio Macieira em Aiuruoca local
O Empório

Empório Daia

Emporio Daia em Aiuruoca
Entrada do empório Daia

Empório de comida natural e vegana, tem uma parede de vidro que é linda a vista. Os mesmos vendem pratos prontos congelados, então se você tiver onde esquentar vale a pena.

Emporio Daia em Aiuruoca local
Empório Daia

Outras Dicas em Aiuruoca

  • Trilha para a cachoeira do Fundo: trilha de mais ou menos 1h e 30 min, mas no caminho tem que passar um rio que transbordou pelas chuvas.
  • Cachoeira das Fadas: localizada no Matutu mas está fechada pela pandemia.
  • Cachoeira Deus me Livre: não encontramos, porque tem que passar por uma propriedade particular onde o dono arrancou a placa e colocou uma barra fechando a passagem.

Você também pode gostar...

12 comentários

  1. Silene Barbeta diz:

    Olá! Foram ao Bairro do Chapéu?

    1. Carol Varuzzi diz:

      Oi boa tarde! O Bairro do Chapéu fica em Baependi, no caminho das cachoeiras, e infelizmente não tivemos a possibilidade de ir conhecer! Fica próximo a cachoeira da Juju que fomos e achamos muito linda, mas de difícil acesso!

      1. Carol Varuzzi diz:

        Se for o Morro do Chapéu é o ponto mais alto do Parque Estadual da Serra do Papagaio e você chega nele na travessia de Baependi x Aiuruoca, também fica próximo à cachoeira do Juju, mas não tivemos tempo para realizar a travessia, e falam que é linda também!

    2. Carol Varuzzi diz:

      Temos um texto sobre Baependi https://abelaeobigode.com.br/baependi/ caso vc se interesse!😊

  2. Felipe diz:

    Muito bom. Agradecido pelo frabalho. Ótimas dicas.

    1. Carol Varuzzi diz:

      Que bom que você gostou! 😊 Qualquer dúvida estamos a disposição!

  3. Arrasou Carol,
    Muito bom o artigo.
    Obrigada.

    1. Carol Varuzzi diz:

      obrigado pelo carinho!!!

  4. Valeria diz:

    Top!!

    1. Carol Varuzzi diz:

      Obrigada pela visita!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.